Mensagem de Reconciliação
Uma Promessa

Lição 4
Anos depois da tentação de Adão e Eva, e deles terem cedido aos seus desejos em vez de obedeceram a Deus, duzentos e noventa anos depois do dilúvio e centenas de anos antes que Deus deu a Pedra dos Mandamentos a Moisés, Tera se tornou pai de Abrão. Depois de se tornar um adulto, Deus fez uma promessa a Abrão, "Então o Senhor disse a Abrão: 'Saia da sua terra, do meio dos seus parentes e da casa de seu pai, e vá para a terra que eu lhe mostrarei. 'Farei de você um grande povo, e o abençoarei. Tornarei famoso o seu nome, e você será uma benção. Abençoarei os que o abençoarem e amaldiçoarei os que o amaldiçoarem; e por meio de você todos os povos da terra serão abençoados". (Gêneses 12:1-3). Deus mudou o nome de Abrão para Abraão quando Ele estabeleceu sua aliança com ele.

Em Hebreus 11 nós lemos, "Pela fé Abraão, quando chamado, obedeceu e dirigiu-se a um lugar que mais tarde receberia como herança, embora não soubesse para onde estava indo. Pela fé peregrinou na terra prometida como se estivesse em terra estranha; viveu em tendas, bem como Isaque e Jacó, co-herdeiros da mesma promessa. Pois ele esperava a cidade que tem alicerces, cujo arquiteto e edificador é Deus."(vs. 8-10). Deve ficar claro que a promessa de Deus a Abraão foi para todos e não apenas para uma nação.

Abraão e Sara, sua esposa, não tinham filhos, mesmo que Deus prometeu que eles teriam uma grande descendência. Eles ficaram impacientes esperando que Deus lhes desse um filho. Usando suas razões humanas, eles decidiram agir por sua própria conta. Seus atos, que foram conseqüência da impaciência, causaram grandes conflitos mais tarde entre os descendentes de Ismael, seu primogênito filho da serva de Sara, e os de Isaque, filho da promessa. Esses conflitos existem até hoje. Deus esperou até ser fisicamente impossível para Abraão e Sara terem filhos, então quando esses tivessem não haveria dúvida alguma de que era resultado da promessa de Deus e de sua fé. "Pela fé, Abraão -- e também a própria Sara apesar de estéril e avançada em idade -- recebeu poder para gerar um filho, porque considerou fiel aquele que lhe havia feito a promessa. Assim, daquele homem já sem vitalidade originaram-se descendentes tão numerosos como as estrelas do céu e tão incontáveis como a areia da praia do mar." (Hebreus 11:11-12).

Mesmo que Abraão se tornou pai de várias nações e era conhecido como o pai da fé, ele não deixou de pecar. Ele caiu mais de uma vez. Quando confrontado com Deus, ele se arrependeu e colocou sua fé e confiança nEle. Foi através da descendência de Abraão, Isaque e Jacó que o Salvador veio ao mundo para redenção dos que crêem.

Não é de se admirar que Deus abençoa a obediência dos que crêem e deserda os rebeldes (desobedientes), já que isso acontece com os povos e nações.

Perguntas:
    1. A promessa de Deus a Abraão de que sua descendência abençoaria todas as nações foi dada.
           Depois dos 10 mandamentos.
           Quando Abraão ofereceu Isaque como sacrifício a Deus.
           Ao caminho de Canaã.

    2. Abraão é chamado o pai da fé porque não pecou.
              

    3.Isaque, filho da promessa, foi o primeiro filho de Abraão.
             

    4. Abraão foi chamado o pai da fé porque ele confiou em Deus.
             

    5.Nós sabemos que era humanamente impossível para Sara conceber, pois ela tinha 90 anos, mas deus a luz a Isaque, sem deixar dúvida de que Isaque e não Ismael era o filho da promessa.
             


Voltar ao início da pagina